Proximidades

A primeira rede social para quem quer ter filho

Mulheres bonitas de 27708

CoparentalidadePais AmigosTaline Schneider. Uma Rede Social para o encontro de pessoas que querem planejar, conceber, criar e educar um filho, sem a necessidade ou obrigatoriedade de um relacionamento conjugal, romântico ou, até mesmo, sexual entre os genitores. Afinal, tratam-se de seres humanos, com sentimentos. Dos 2. O documento deve ser elaborado com o suporte de um advogado de família sem preconceitos e registrado em cartório.

Vida de solteiro sueca

Se precisar de aconselhamento de um especialista, marque uma consulta online. Psicólogo, Psicanalista. Psicólogo, Sexólogo.

Independente e solitário?

Levantamentos mostram que as mulheres continuam subindo ao altar, e muito. Fazem isso sem os medos do passado e, em geral, se casam de segundo — e de novo se preciso for. Entre os casamentos que acontecem hoje no Brasil, a maioria exatamente é o de estreia, o primo de ambos os noivos. Por isso, quanto mais cedo se arrumasse um marido, mais tranquilos ficavam os pais. Nesse ponto, nem tudo mudou tão assim, conforme comprova a história da analista de mídias sociais Fernanda Poli, 31 anos. No entanto, hoje ela comemora a iniciativa. É possível entender a fase baixo-astral de Fernanda.

Leave a Reply

Your email address will not be published.